NR's: Garantia de segurança nas indústrias

Você sabia que o Paraná é o quarto estado com maior número de acidentes de trabalho do país? Só entre os anos de 2011 e 2015 foram registradas mais de 253 mil acidentes de trabalho no Estado. Esses dados alarmantes são da Previdência Social e refletem a importância das chamadas Normas Regulamentadoras, que pode parecer algo muito distante do nosso dia a dia, mas são elas que dão segurança pra quem trabalha na indústria. São as chamadas NR’s que definem os procedimentos obrigatórios das empresas. Tudo pensado para dar segurança aos trabalhadores, que vez ou outra podem desempenhar alguma atividade de risco. E é para orientar essas questões que as normas foram criadas. A NR 4, por exemplo, estabelece que toda empresa precisa ter serviços especializados em engenharia de segurança e medicina do trabalho. A NR 5, mostra como deve ser a comissão interna da empresa para prevenção de acidentes. A NR 10 define as condições de trabalho para o setor elétrico. Já a NR 12 estabelece regras para quem trabalha diretamente com máquinas e equipamentos, além de definir os procedimentos seguros que devem ser seguidos à risca. A NR 35 é uma norma que visa diminuir os riscos para trabalhos em altura, prevendo inclusive treinamento para os colaboradores que precisarem fazer esse tipo de trabalho.  Todas juntas formam um conjunto de regras que ajudam a tornar o ambiente da empresa mais seguro, bom para o gestor e para o colaborador, que trabalha mais tranquilo e em segurança!

Posts recomendados